Traduza para outra Lingua!

quarta-feira, 27 de julho de 2011

MISSIONÁRIOS RETORNADOS E O CASAMENTO!



Dias atrás, recebi uma correspondência de um senhor, que se mostrava muito preocupado com o envolvimento de sua filha com um rapaz Mórmon. Segundo ele, o jovem era muito fanático dentro de sua crença. Fiquei comovido com esse relato familiar! Certamente, casos como esse existem muitos por aí. Jovens enamorados pertencentes a credos diferentes. É uma situação complicada para ser facilmente resolvida, sem que alguém possa sair perdendo. Deveria não ser assim. Se fossem duas pessoas adultas, com maior experiência de vida, que não deixassem nenhuma doutrina exercer domínio ou influencia nas tomadas de suas decisões, seria mais fácil. Mas geralmente não é assim. Os jovens não respondem por si, apesar de acharem que são adultos.
Em casos de incompatibilidade de crenças, os jovens, às vezes, tenderão em optar por uma ou por outra religião. A sua ou a do(a) namorado(a). Às vezes, quererão agradar os pais. Outras vezes desejarão agradar o namorado(a).
Muitas vezes, o problema foi originado no lar e vem de casa. Devido à imposição rígida, de demonstração de fé, por parte dos pais. Esses acabam influenciando seus filhos, para um caminho que não os trará felicidade, pelo contrário, trará infelicidade futura.
O caso a seguir, aconteceu na cidade de Curitiba. Uma família era bem firme na igreja Mórmon. O pai, sempre ativo, teve vários cargos ou chamados dentro do sacerdócio. Ele tinha três filhas e dois filhos. Uma delas se enamorou por um rapaz que tinha acabado de retornar da missão. Esse rapaz tinha um bom conceito dentro da igreja. Toda a liderança da Igreja, inclusive o bispo da Ala, incentivou de forma autoritária, o namoro e consequentemente, o casamento. Como a palavra do bispo, às vezes é a palavra de Deus para um membro da igreja Mórmon, os pais da jovem concordaram prontamente com o casamento, que não demorou muito para ser celebrado pelo Bispo. Para abreviar essa história, esse rapaz, com o passar dos anos, se envolveu em várias contravenções e crimes como estelionato, falsificação de assinaturas e documentos, tráfico de produtos ilegais ou piratas. Acabou sendo preso e condenado há alguns anos, numa penitenciaria qualquer do Paraná. Não antes, de ter engravidado a esposa 6 vezes. Isso mesmo! Deixou seis filhos para a pobre mulher criar. Afinal, como membro firme da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, não poderia deixar de cumprir um dos mandamentos primordiais do mormonismo, que é trazer filhos espirituais de Deus, para receberem corpos aqui na terra. Foram tantos sofrimentos, tanta dor, que a família dessa mulher acabou não acreditando mais no mormonismo. Afinal de contas, o “casamento celestial” estava embasado nas palavras do Bispo, que era um representante de Deus, segundo o mormonismo, pois possuía o sacerdócio real, podendo abençoar aquele casamento. Foi justamente isso que aconteceu. O bispo abençoou o casal para que o casamento dos dois pudesse perdurar para a eternidade, com o poder do sacerdócio de Melquisedeque. O casal foi selado no Templo de São Paulo para o tempo e a eternidade.
A melhor receita seria deixar que os próprios filhos pudessem escolher qual religião lhes convém. Mas isso deveria ser ensinado desde a tenra idade.
Aprendi isso de forma dolorosa. Felizmente consegui tirar todas as minhas filhas do mormonismo. Agora, se eu pudesse recomeçar e voltar no tempo, nunca falaria de religião, no sentido de tentar direcioná-las para uma ou outra doutrina. Mostraria a elas, alguns fatos ligados a todas as religiões, como por exemplo: Líderes corruptos, ganância por dinheiro, mentiras, brigas internas pelo poder e falsidades que levaram a vantagens consideráveis. Nunca tentaria impor nenhuma doutrina religiosa para nenhuma filha minha. Nem aquela que eu por ventura estivesse seguindo. Fiz isso no mormonismo! Acreditava que tudo aquilo era correto! Mas eu estava enganado. Então, se eu estava enganado com uma doutrina que eu acreditava estar certa, quem poderá me garantir que qualquer outra doutrina que aderíssemos poderia ser mais certa do que o mormonismo?
Mostraria de forma diferente o que as pessoas fazem por religião, mentem, matam, guerreiam, acham-se os donos da verdade, ostentam orgulho e opulência. Falaria para elas e mostraria exemplos bons e ruins de todas as religiões. Certamente, mostraria mais o lado ruim. Porque o lado bom está relacionado com a filosofia e os ensinamentos da doutrina. Geralmente, todas as religiões pregam amor ao próximo e têm boas filosofias. Mas na prática, as ações são muito diferentes.
Então eu as preveniria de que elas mesmas deveriam tomar a decisão de seguir o que quisessem, mas que, ao seguir uma religião, isso poderia trazer-lhes consequencias boas ou ruins com o passar dos anos, caso se tornassem muito "fanáticas" ou muito “crentes” na sua filosofia.
Mas uma coisa seria se eu pudesse recomeçar, outra completamente diferente é consertar o que já está feito.
Para minha felicidade, nenhuma das minhas filhas criou raízes no mormonismo. Nenhuma delas tem inclinações por nenhuma religião. No meu pensar atual, acho isso bom. Pois se não temos vínculos com nenhuma instituição religiosa, não precisamos nos submeter às regras impostas por pessoas inescrupulosas, mentirosas. Não precisamos pagar dízimos ou pagar para recebermos alguma benção qualquer. Cremos que se Deus existe, recompensa as pessoas pela honestidade e pelo altruísmo delas, não por dinheiro.
Sinto muito pela filha do senhor da correspondência ter se envolvido com um jovem e “fanático” mórmon. Ele me perguntou se é verdade que os rapazes quando voltam da missão querem logo casar. É bem verdade isso! Quando eles voltam da missão, a prioridade máxima de um missionário retornado é o casamento. A maioria dos casamentos não dá certo, porque esses jovens casam muito depressa e às vezes nem conhecem as moças direito.
Quanto mais pensamos que os assuntos se acabam, sempre tem mais um envolvendo a doutrina do mormonismo. Espero que os jovens possam ler isso e assimilarem melhor suas convicções antes de aderir a uma determinada religião, especialmente se essa é “alienante” ou “fanatizante”, como diz uma amiga minha.

17 comentários:

  1. A própria bíblia diz que a religião pura e imaculada diante de Deus é visitar os aflitos e necessitados (Tiago 1:28). Cristo jamais disse que haveria só uma igreja verdadeira como os mórmons se gaban. Seguir a Deus independe de religião, é algo individual e não requer frequência em igrejas e templos. Fazer o bem e não ficar alardeando como fazem os mórmons. A verdadeira caridade é oculta, onde só Deus vê e não precisa de clamor dos homens nem de empresas que se revestem de religiosidade aparente.
    Alegar que só os mórmons tem a verdade e as outras religiões são do diabo, é muita presunção e falta de humildade. Tem religiões que fazem muito mais pela humanidade e não ficam alardeando na mídia, e até usando seus membros como cobaias para aparecerem em telejornais.

    ResponderExcluir
  2. Ernesto Che (ex presidente de estaca)28 de julho de 2011 07:57:00 BRT

    Olá meu caro. Todo fanático é capaz de atitudes extremas. NO caso dos ex missionaários, quando estava já saindo da igreja assisti uma conferência, na sessão geral a autoridade ensinou as jovens a buscarem rapazes virtuosos, honestos, trabalhadores e se possível missionário retornado. Tivemos muitos problemas com estes rapazes por aqui ao ponto de serem tratados como pessoas comuns. Sabemos q para a igreja ser um ex missionário é sinônimo de quase perfeição. De cerca de 40 rapazes que conheci em minha época de juventude em minha estaca creio q apenas 1 esteja na igreja. Existe algo errado não achas já que para todos os retornados(missionários) a missão é a melhor coisa do mundo... Eeste número continua a crescer, cada vez mais estes rapazes continuam a ser um problema para a igreja...

    ResponderExcluir
  3. Ernesto Che (ex presidente de estaca)28 de julho de 2011 07:59:00 BRT

    Tenho uma irmão bem mais jovem que eu e ele está se preparando para sair em missão. Mas ele está pressionado pela namorada, pelos pais dela que são fanáticos. Tenho medo do que possa acontecer com ele...

    ResponderExcluir
  4. Você fala como se os membros da Igreja Mórmon não pudessem cometer erros. Nunca foi dito que os membros são perfeitos, nem nessa como em nenhuma outra Igreja. Não existe ninguém perfeito, todos podem cometer erros. Pelo jeito já está faltando assunto nesse seu bloguezinho mixuruca aí tem que falar coisas que não tem nada a ver. Ohhh!!! Vou me afastar da Igreja por que algumas pessoas falam errado ou por outras que pecam... Santa ignorância!! Nem se dê ao trabalho de responder pois com certeza não vou ler. Só não entendo quando você fala que perdeu 18 anos da sua vida na Igreja e agora gasta muito mais tempo falando mal dela! Vá recuperar seu "tempo perdido" e fazer o que não podia como membro da Igreja em vez de ficar falando asneiras. "Ah, mas eu quero alertar as pessoas pra que não cometam o mesmo erro que eu." Isso me cheira a ressentimento...

    ResponderExcluir
  5. Anônimo!
    Leia ou não, estou te respondendo. Já disse muitas vezes que não tenho ressentimentos de nenhum membro da Igreja. Tenho ressentimento de eu não ter percebido o grande erro que é essa vil doutrina chamada mormonismo. Essa da igreja é perfeita mas os membros não, não cola mais. É evidente que em todos os lugares tem pessoas boas e outras não boas. Mas, você não acha que na igreja verdadeira de Jesus Cristo deveria ser pelo menos um pouco mais uniforme? Deveria ter menos problemas. Afinal, os membros são guiados por Deus através de um profeta. Esse mormonismo não é doutrina verdadeira nem aqui nem na China.

    Não está faltando assunto para eu escrever, nunca faltou. como disse minha amiga investigadora num comentário, temos assuntos para uma vida inteira.

    Vai lendo e aprendendo mais sobre o mormonismo.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. ¨ ¨ Juliana

    '


    fui casada com um exmissionario... o qui de fato leva os missionarios a casar rapido é a vontade pra fazer sexo, e nao formar uma familia pra educar!
    '
    alguns bispos deixam claro qui exmissionarios tem de casar logo pra nao quebrar a lei'castidade, mas outros lideres nao deixam isso tao claro, mas eu qui fui casada com um exmissionario percebi qui eles de fato tem fome por sexo e mesmo qui queiram, nao conseguirao se concentrar em formar uma familia pra educar filhos e entender a importancia de uma familia! Isso qui to dizendo aqui foi diversas vezes confirmado por meu ex'esposo e por casais de exmissionarios qui na epoca nós conheciamos e conversavamos sobre o assunto!
    '
    o pior é qui os casais recem casados do mormonismo, geralmente sao jovens e por namorarem pouco e cumprirem essa lei'castidade qui gera muita tensao'nervosa, hirritaçao e desequilibriu'mental, os homens'mormons pouco entendem sobre nós mulheres e as mulheres'mormons pouco entendem sobre os homens, isso gera muitas dificuldades, agressoes com palavras e agressoes'fisicas as vezes, e geram muitas tristezas pra aquele jovem casal!
    '
    o melhor é dizer pra esse pai retirar a filha dele o mais rapido possivel desse mormon qui quer casar com a filha dele!
    eu sempre alertei meu filho mais velho pra evitar mulheres'mormons... graças a Deus e a nossa senhora'aparecida, qui ele seguiu minhas orientaçoes!
    '
    a doutrina'mormon por ser falha, falsa, mentirosa e fanatizante contrária ao proprio evangelho e as leis certas da vida, é qui estimula os membros do mormonismo a cometer erros os mais terriveis!

    ResponderExcluir
  7. Olá Antonio Carlos,

    Mais um ótimo post, apesar de não estar comentando, passo por aqui frequentemente. Continue firme no proposito de difundir a podridão da igreja dos mórmons. E esses fanáticos sem conhecimento, com seus comentarios cheios de ataques pessoais são um pouco do que fomos no passado, mas o tempo é nosso aliado.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  8. ¨ ¨ Juliana

    '


    esse blog nao tem nenhuma asneira.

    esse blog é fruto de pesquisas sérias e busca da verdade pra divulgaçao das verdades'podres e corruptas qui durante muito tempo os mormons esconderam, pra continuar enganado muita gente de bem.
    '

    esse blog com certeza mostra as orientaçoes de Nosso Deus'Pai atraves do Espirito Santo, pra qui o autor consiga mostrar as falhas do mormonismo contra o evangelho e contra Jesus!

    ResponderExcluir
  9. muitos bispos de presidentes'de'estaca, deixam claro pro casal'mormon qui vai casar, qui eles tem de casar pra formar uma familia e para principalmente fazer sexo!
    '
    quando casei com hoje meu exmarido'mormon qui tambem era exmissionario... nas entrevistas qui tivemos com o bispo e o presidente'de'estaca na epoca, insinuaram de forma clara qui nós deveriamos casar rapido pra fazer sexo logo e assim nao quebrarmos a lei'castidade, tanto qui meu esposo so pensava em sexo e eu ficava algumas vezes com medo dele, porque eu nem sabia o que fazer e nem entendia muito sobre homens! ¨¨ o bispo e o presidente'de'estaca quase falaram claramente sobre casar logo pra fazer sexo, mas como os mormons tem medo de sexo, eles ficaram na forte insinuaçao sobre isso.
    '
    os casamentos'mormons sao muito fracos e muitas vezes sao baseados em coisas pequenas como sexo ou paixao... essas coisas nao serve pra casar e formar familias, porque familia é coisa séria e os mormons so querem fazer sexo movidos por paixao.
    '
    sexo e paixao nao é motivo pra casar ou formar familia!

    ResponderExcluir
  10. Juliana!

    Muito bem explicado. Espero que muitos membros da Igreja SUD leiam isso e aprendam de uma vez por todas.

    ResponderExcluir
  11. Quero me dirigir à Juliana, por acaso você foi obrigada a casar com esse ex-missionario? Casou sem ama-lo verdadeiramente? Acho difícil!! Só por que seu casamento não deu certo (deve ter outros motivos que não a Igreja, coitado, deve ter sido muito difícil conviver com uma mulher desse jeito...) não significa que todos os ex-missionarios são assim, que só pensam em sexo. Você está generalizando. Só pense um pouco antes de falar tanta besteira que não tem nada a ver. Provavelmente o motivo de tanto ódio pela Igreja tenha sido o seu casamento fracassado com um membro. Só não venha dizer que todos os homens Mórmons são assim porque é uma grande mentira.

    ResponderExcluir
  12. ¨ ¨ Juliana

    '


    .............................................................................................................

    '

    a maioria das meninas ou mulheres'mormons é obrigada a casar com exmissionarios, mas as mulheres'mormons sao forçadas a casar com exmissionarios'mormons de modo discreto e pela emoçao'enganosa. ¨¨ ¨¨ os mormons nao tem capacidade pra entender o qui é amor, e por isso casam movidos por motivos errados como paixao, dinheiro, porque o marido tem cargo na igreja'mormon, porqui o marido é bonito... e outras coisas erradas pra formar familia.
    '
    nao foi dificil pro meu ex'marido'mormon ficar casado comigo nao queridinhoooo... porque ele nao entendia nada sobre nós mulheres, e ainda me tratava muito mal, com chingamentos e agressao fisica... a maioria dos homens'mormons tratam suas esposas com muita agressividade, e isso é comprovado pelos lideres'mormons. alem disso fui casada com um homem'mormon, e seu muuuito bem qui a maioria dos mormons'homens nao entendem quase nada sobre nós mulheres e sao muito agressivos, isso foi varias vezes atestado por muitas amigas'mormons qui falaram pra mim qui sofriam muitas agressoes por parte dos maridos'mormons delas.
    '
    com certeza a maioria dos homens'mormons so pensa em sexo, mas nao sabem fazer sexo e nem como tratar a nós mulheres nos momentos de intimidade na cama! mas tem muitos mormons qui nao gostam de fazer sexo com a esposa e sao mormons'frios qui fazem suas esposas ficar tristes por muitos anos.
    '
    nao é uma questao de odio contra o mormonismo, mas como os mormons vivem incomodando a populaçao com suas doutrinas'fraudulentas, é muito mais certo quando descobrimos com a ajuda do espirito santo qui a doutrina'mormon é um grande conjunto de mentiras, procurarmos combater as mentiras'mormons, porque a mentira'mormon leva muita gente ao engano e a ilusao, e a acreditar em ensinos contra Deus, Jesus e o espirito santo, e contra as leis certas da vida!

    ResponderExcluir
  13. ¨ ¨ Juliana
    '


    '

    eu e minha familia tomamos a decisao de sair todos da igreja'mormon, após procurarmos analizar as doutrinas'mormons, e descobrir com as orientaçoes de Deus atraves do espirito santo, qui a igreja'mormon é um grande conjunto de mentiras!
    '

    meu casamento acabou com aquele exmissionario'mormon, porque eu e ele fomos forçados a casar pela liderança'mormon em meio aquela ilusao e emopolgaçao'mormon qui força os jovens a casar rapido e com pouca idade. mas foi otimo nós termos acabado com aquele casamentos mentiroso, porque hoje sou muuuuito mais feliz fora das fraudes da igreja'mormon, casei novamente e hoje tenho uma familia realmente feliz e unida! meu casamento hoje é real e nao mera ilusao'mormon!

    ResponderExcluir
  14. ¨ Juliana
    '

    '

    os mormons vem aqui com essa agressividade'mormon qui é uma das qualidades dos mormons, e ainda ficam nessa de fazer julgamentos erros e desonestos. será qui o mormonismo nao ensina qui é errado julgar errado os outros?
    '
    o mormonismo transforma seus adeptos em gentes falsas, arrogantes, agressivas, depressivas, cegas...
    '
    mormonismo é ipocrisia!

    ResponderExcluir
  15. Olha, queridinha,
    quem está fazendo julgamento errado e desonesto aqui é você, só perguntei sobre o assunto que você mesma disse.
    É muita ignorância da sua parte generalizar, dizer que todos os homens mórmons são agressivos e tratam as mulheres mal.
    Se foi a sua experiência, só lamento, teve azar. Sou casada há dez anos com um "homem mórmon" e meu casamento é perfeito (no sentido literal da palavra). Se fosse assim eu poderia dizer que todos os homens mórmons são perfeitos o que também não seria verdade, estaria generalizando, entende?
    E vire o disco, vc é muito repetitiva nos seus ateques à Igreja.
    Ah, e você não sente vergonha de ficar expondo sua vida sexual assim?

    ResponderExcluir
  16. ¨ ¨ Juliana

    '

    a queridinha anonima ai encima...

    '

    querida... fui membra do mormonismo por muitos anos e conheço bem os homenjs'mormon, pois a maioria dos mormons'homens sao sim agressivos com as mulheres e isso sei por experiencia propria, e isso tambem foi comprovado pelo proprio profeta'mormon gordon b. hinkley, qui falou sobre isso!
    '
    os homens'mormons exercitam a lei'castidade e homens qui cumprem com essa lei contrária ao evangelho e as leis da vida, sao homens fracos e nós mulheres nao levamos a sério homens qui nao fazem sexo e qui por isso nao conseguem entender sobre nós mulheres!
    '
    o qui divulgo nao sao julgamentos e sim experiencias verdadeiras pelas quais passei e sempre vi muitas mulheres'mormons passar!
    '
    voce como mulher'mormon nao tem moral e nem autoridade nenhuma pra falar sobre esse assunto, porque as mulheres'mormons nao entendem quase nada sobre homens, e muitas vezes as mulheres'mormons sao doutrinadas pra ser submissas aos homens'mormons e mulheres como voce, se forem agredidas fazem de tudo pra negar mentirosamente qui sao agredidas pelo esposo!
    '
    nao tenho qui virar nenhum disco, porque quem entende de fato o evangelho consegue entender mais o evangelho com uma mesma mensagem, do qui tendo qui aprender varias mensagens! ¨¨¨¨ nao faço ataques a verdade'mormon, porque o mormonismo é feito de mentiras e por isso o qui faço nao é mero ataque, e sim é mostrar as verdades sobre os podres do mormonismo!
    '
    seoxo faz bem pra saude do corpo, da cabeça e de nosso espirito e nao devemos ter vegonha de falar sobre isso!

    ResponderExcluir
  17. As pessoas não se tornam mórmons por obrigação! Através de um convite para buscar por meio da oração se a igreja é verdadeira é que elas decidem se querem ou não se batizar! Creio que muitas pessoas receberam a confirmação através do Espírito Santo da veracidade da igreja, mas com passar do tempo, de problemas, dificuldades, esqueceram se sua confirmação! Todos que cremos em Jesus Cristo e praticamos seus ensinamentos, estamos em constante batalha para nos tornamos perfeitos, sabemos que somos mortais, e expostos à cometer pecados. É uma grande obrigação enterdemos que todos seres humanos são falhos, só houve um perfeito!
    E antes de criticar-mos qualquer religião devemos seriamente pensar se isso agrada à Deus, porque todos temos o livre árbitrio, e julgar as pessoas ou determinada religião apenas nos enfraquece espiritualmente... Deixo um recado aos mórmons: NÃO LEIAM ESSAS OFENSAS, APENAS FARÃO MAL AO SEU ESPÍRITO, CREIAM E RELEMBREM A CONFIRMAÇÃO DE COMO ESTAMOS EM UM CAMINHO CERTO, APESAR DE SER UMA PASSAGEM ESTREITA, SE PERSEVERAR-MOS TEREMOS UMA VIDA ETERNA AO LADO DE DEUS.

    E aos não-mórmons, oro para que suas vidas seja abençoadas, e se encham de paz suas almas. Não percam tempo fazendo ofensas ou criticando qualquer religião, dedique esse tempo lendo a bíblia, e orando e fazendo caridades
    Um grande abraço à todos.

    ResponderExcluir