Traduza para outra Lingua!

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

O USO DA PALAVRA “MÓRMON”!


A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias está muito preocupada com o uso da palavra “mórmon” na mídia escrita. De acordo com artigos publicados recentemente pelo Departamento de Assuntos Públicos da Igreja e enviados a alguns órgãos da imprensa escrita nos Estados Unidos, a justificativa toda surgiu por causa do julgamento de Warren Jeffs.
A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias reconhece que o julgamento do polígamo Warren Jeffs está gerando ampla cobertura da mídia, portanto previne os repórteres sobre:

 “...referir-se aos seus membros como mórmons fundamentalistas. O que está causando certos problemas para os repórteres que querem ajudar os seus leitores, telespectadores e ouvintes a distinguirem entre os seguidores de Jeffs e A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Na mente do público, a palavra “Mórmon” significa algo muito específico. Ela evoca imagens de missionários Mórmons em bicicletas, o Coro do Tabernáculo Mórmon e templos Mórmons.Tornou-se sinônimo dos membros da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Consequentemente, quando a palavra “Mórmon” é usada para descrever grupos polígamos, o que provoca uma grande confusão sobre as nossas crenças entre o público em geral e a frustração para os nossos membros, que somam mais de 12 milhões em todo o mundo. Warren Jeffs, não é membro da igreja Mórmon, e desde que ele não é um Mórmon, os repórteres devem procurar descrições mais precisas e menos enganosas dele ao escreverem na mídia”.

Os argumentos da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias não são muito convincentes, uma vez que todos os seguidores de Warren Jeffs aceitam o livro de Mórmon como a palavra de Deus.

“Às vezes ouvimos o argumento de que porque Jeffs e seus seguidores usam o Livro de Mórmon devem ser considerados “Mórmons”. No entanto, os católicos, metodistas, luteranos, evangélicos e uma série de outras religiões crêem em Jesus e reivindicam a Bíblia como propriedade sua, mas todos se consideram religiões separadas e distintas”.

Em seguida às tentativas de convencer os repórteres a tomar mais cuidado ao usar a palavra “mórmon”, segue-se uma lista de orientações elaboradas pelo Departamento de Assuntos Públicos da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, para que não haja equívocos.
Existem na internet vários artigos que comprovam que os seguidores do grupo fundamentalista de Warren Jeff são descendentes de muitos “mórmons” da igreja fundada por Joseph Smith Jr.
Acredito que o correto seria chamarmos esses fundamentalistas de “mórmons” e os seguidores de Brigham Young de outro nome qualquer, pois esses últimos alteraram os ensinamentos originais, tal como “revelados” por Joseph Smith Jr.
É só o que falta agora os “mórmons” de Utah começarem a brigar pelo uso da palavra “mórmon”. Muitos membros não gostam de serem chamados por esse nome. Eu mesmo, quando era membro da Igreja não gostava.
Mas tem louco para todos os gostos nessa seita ou nas seitas “mórmons”. Eu, com certeza, continuarei a usar a palavra “mórmon” para designar qualquer seguidor dos ensinamentos originais de Joseph Smith jr., quer seja membro da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias ou de Warren Jeffs.

Fonte para a elaboração do Texto:


Esta página da web não tem direitos autorais! Foi escrita por Antonio Carlos Popinhaki. Sinta-se livre para usá-la sem fins lucrativos: Somente peço o referenciamento onde for publicada e enviar-me um e-mail para popivhak@gmail.com - Ao comentar, mesmo que de forma Anônima, devido talvez, você não possuir contas do Google/Wordpress, por favor, coloque um nome ou iniciais, para uma breve identificação. 

12 comentários:

  1. Para quem não acompanha o julgamento do mórmon Warren Jeff, só quero dizer que ele está sendo julgado por ser polígamo, acusado de pedofilia e estupro. Ele diz ser seguidor assíduo do exemplo de Joseph Smith.
    Embora os canais de comunicação da igreja mórmon tentam a todo custo desvincular Warren Jeff da palavra ou alcunha mórmon, será sem dúvida uma tarefa extremamente difícil.
    Para quem assistiu a série no canal fechado HBO intitulada BIG LOVE (amor imenso) de Tom Hanks, a mesma retrata fielmente como agem os mórmons seguidores de Joseph Smith, mais comumente chamados de fundamentalistas (mas na verdade são mórmons, embora fragmentados e vivem em colônias no interior caipira dos EUA).
    Outra categoria de mórmons que gostaria de citar são os mórmons da igreja reorganizada de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, agora chamados de Comunidade de Cristo. Eles creem no Livro de Mórmon e em Doutrina e COnvênios, porém não acreditam em batismos vicários. templos, rituais secretos, como selamentos, investiduras (emdowmwnts), etc... Acreditam que a questão dos mortos foi apenas um mandamento local e temporário e que encerrou-se com a morte de Joseph Smith. Acreditam que o sucessor de Smith, Brigham Young foi apóstata e que o filho de Smith (Joseph Smith III) foi o seu verdadeiro sucessor na presidência apoiado por sua mãe, Emma Smith, que jamais concordou com a política da poligamia implantada por Smith e continuada por vários presidentes da igreja mórmon. Os reorganizados não adotaram a poligamia, mas a monogamia (casamento com uma só mulher).
    Esses mórmons tem apóstolos e profetas também, e a novidade: mulheres são ordenadas ao sacerdócio mórmon, não são apenas co-adjutoras, mas portadoras do sacerdócio, são bispas, apóstolas, dão bênçãos,etc.
    Seria a democracia chegando na igreja mórmon, deixando de lado os preconceitos contra as mulheres.
    Os não mórmons jamais saberão diferenciar esses aspectos e diferenças entre as diversas seitas mórmons, a menos que se aprofundem em estudos históricos. Para quem vê TV e lê jornais e revistas, ou mesmo acessa a interne, mórmon é mórmon, não importa a qual seita pertença, se é fundamentalista, reorganizado ou SUD. na cabeça das pessoas é tudo farinha do mesmo saco.

    ResponderExcluir
  2. (Via postagem em Comunidade do Orkut)

    Marileusa

    “Às vezes ouvimos o argumento de que porque Jeffs e seus seguidores usam o Livro de Mórmon devem ser considerados “Mórmons”. No entanto, os católicos, metodistas, luteranos, evangélicos e uma série de outras religiões crêem em Jesus e reivindicam a Bíblia como propriedade sua, mas todos se consideram religiões separadas e distintas”.

    http://sobreomormonismo.blogspot.com/2011/09/o-uso-da-palavra-mormon.htmlRetirei este trecho do blog, para mostrar uma declaração de mau gosto deste indivíduo.

    Ele diz: e reivindicam a bíblia como propriedade sua.

    Perdeu uma ótima oportunidade de ficar calado.

    Me digam, quem dentre estas religiões, brigam pela propriedade da bíblia, ou disputam a mesma??

    Toda vez q um mórmom vai explicar algo de errado dentro da "igreja" deles, eles apontam o dedão para as outras igrejas.
    É sempre assim, podem perceber, eles dizem:

    Mais os protestantes fizeram primeiro.
    Isso foi ideia dos católicos, nós só fomos influenciados.
    O racismo aconteceu dentro da sud, porque os protestantes, começaram primeiro.

    Os mórmons esfregam o dedo no nariz alheio, para poderem explicar seus erros.

    ResponderExcluir
  3. Propriedade da Bíblia!

    Amiga!
    Esse defensor do mormonismo escreveu essa besteira certamente porque há uma disputa que muitos não sabem com relação ao Livro de Mórmon. A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias Reorganizada, que atualmente chama-se Comunidade de Cristo não usa mais o Livro de Mórmon. Mas grupos dissidentes de Utah o usam e têm diferenças entre suas publicações. A Igreja SUD acha que só porque imprime maior volume do Livro de Mórmon deve ser a dona do Livro.

    Eles vivem numa esfera de conhecimento muito limitada, por isso acreditam que os demais cristãos brigam pela posse da bíblia.

    Não vejo outra explicação para isso.

    ResponderExcluir
  4. (Via Facebook)

    Sérgio Mota

    Foi de lá que Joseph copiou a história do tesouro em placas de ouro. Os judeus não escrevem em egípcio. Isso não EXISTE. Os Judesus sempre foram nacionalistas. E os Egipcios são seus inimigos. foi de lá que eles foram libertados por Moisés, e sua história se iniciou no deserto. Acho que os mórmons esqueceram de ler a bíblia...

    ResponderExcluir
  5. (Via Facebook)

    Olavo Dos Santos Martins

    Responda uma pergunta, Sérgio Mota. Como você espera que os mórmons leiam a Biblia se, todo o tempo, eles são exortados à ler o Livro de Mórmon. É quase como pedir a alguém que "chupe cana e assovie ao mesmo tempo". Eu mesmo, lia a Biblia de "teimoso" que eu era e sempre fui. Apesar que, de 4 em 4 anos, a liderança da Escola Dominical nos faz ler o Velho e o Novo Testamentos. Mas, isso é, sem dúvida, muito "pouco". E, além disso, o estudo é direcionado para o que eles querem que a gente estude. E, não o que nós queremos saber. E, se você pergunta algo "fora do contexto das lições", os instrutores simplesmente nos "ignoram", seja por falta de conhecimento deles, ou para não "fugir" ao teor da lição. E, eu pergunto.: É bonito isso?

    ResponderExcluir
  6. O pior é que a maioria das pessoas não sabe absolutamente nada sobre o mormonismo. A imagem que nos é passada aqui no Brasil é que tudo é perfeito com características de santidade. A imagem de igreja perfeita, com membros perfeitos está caindo por terra mesmo. Hoje podemos aprender sobre qualquer assunto e difundir esse conhecimento. Só é enganado atualmente quem quiser ser enganado.

    ResponderExcluir
  7. Joseph Simth e sua Herança Maldita.
    Fiz algumas pequenas alterações no texto original que publiquei na ex-Mormons Brasil.
    Existem coisas que mesmo depois de mais de um século ainda rendem noticiam suficiente para estar na mídia mundial. É o caso da herança maldita deixada por JS.A poligamia.Estou a falar da condenação de um líder Mórmon Fundamentalista, polígamo e pelo jeito pedófilo .Não há como descolar a imagem da igreja de Jesus Cristo dos Santos dos últimos Dias( Os Mórmons) dos escândalos que até hoje são produzidos por essa prática .Não há, mesmo que se queira, como esquecer que foi Joseph Smith quem recebeu uma “revelação divina” instituindo a poligamia.Ele e seus seguidores pagaram o preço por suas loucuras e comportamento lascivo.Desafiaram uma sociedade conservadora e quebraram a cara.Pelo jeito o deus mórmon também saiu derrotado dessa Não adianta chorar,JS fez escola, e pelo jeito, seus discípulos tentam seguir a risca seus ensinamentos.Em nenhum momento a igreja se afastou do pensamento polígamo.Ela, ainda hoje, acredita que o casamento plural e algo divino e que pode muito bem existir numa sociedade mais evoluída e espiritualizada.Eles ( Os Mórmons) tem todo o direito de acreditar no que quiserem, é um direito constitucional, o que não podem é querer manipular a opinião pública.A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos últimos Dias( Os Mórmons) foi, por força de lei, obrigada a renunciar e a punir os praticantes de poligamia, isso em 1891.É bom esclarecer que a Igreja Mórmon renunciou a prática e não a crença como disse acima.Nos templos mórmons portadores do sacerdócio ainda são “selados”( Unidos para a Eternidade) ou melhor, podem ser unidos para eternidade com mais de uma mulher.Na pratica, isso significa que ainda esperam mesmo que no mundo vindouro ter várias esposas.Os Mórmons pagam um preço alto pelos devaneios e comportamento anti-cristão de JS.Será que JS não leu I Timóteo 3:2? “ Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar (...)”. Está escrito: “Marido de uma só mulher”. Se JS leu essa passagem fez dela pouco caso.Esse comportamento é falta grave e demonstram um traço rebelde de seu caráter.Ele e sua igreja menosprezaram as palavras de Cristo contidas no Novo Testamento.Cristo deu um novo mandamento, não para JS, que achou que podia ser profeta e restaurar uma prática já ultrapassada.

    ResponderExcluir
  8. esse é o site da igreja comunidade de cristo... www.cofchrist.org ¨ essa igreja nao concede quase nenhum importancia a livro'mormon e nem doutrina'covenios. essa igreja passa maior prioridade a leitura da biblia e a seguir fielmente os ensinos de Jesus!!!! o melhor é qui essa igreja passa o sacerdocio pra nós mulheres do mesmo jeito qui faz muitas igrejas evangelicas.



    '


    ¨ ¨ ¨ Juliana

    ResponderExcluir
  9. O logo que está no início do artigo tem direitos autoras, ok?

    ResponderExcluir